Bookish Battle Royal: a batalha de personagens

Se você curte a página do blog no Facebook ou se me segue no Google+, deve ter visto um post sobre Bout of Books, uma maratona literária internacional em sua décima edição, da qual eu resolvi participar. Além da maratona, há vários eventos paralelos, como chats pelo Twitter, promoções / giveaways e blogagens coletivas. Alguns blogueiros criam posts relacionados ao universo da leitura e sugerem para outros blogs que façam o mesmo com o mesmo tema. E é isso que eu vim fazer hoje.

Neste segundo dia do desafio, o blog My Life in Books propôs o desafio Battle Royale: você escolhe três personagens da literatura, expõe os pontos fortes e fracos de cada um e decide quem ganha uma batalha entre eles. Vamos lá?

1- Dr. Watson (primeira aparição em “A Study in Scarlet”, de Arthur Conan Doyle):


Pontos fortes:

Bom médico
Boa memória (para contar as aventuras de Sherlock)
Prestativo (vai à cena do crime ajudar Holmes)

Pontos fracos:

Um pouco medroso
Não entende lógica
É precipitado em suas conclusões

2- Holly Golightly (“Breakfast at Tiffany’s”, de Truman Capote):


Pontos fortes:

Independente
Experiente (não exatamente no sentido de sua profissão)
Apegada ao passado, mas não de um jeito ruim

Pontos fracos:

Boêmia
Fútil
Sonha em se casar com um homem rico

3- Tiffany (“Silver Linings Playbook”, de Matthew Quick):


Pontos fortes:

Determinada
Perfeccionista
Tem iniciativa

Pontos fracos:

Mentalmente instável
Fala muitos palavrões
Obsessiva

A batalha!

Escolher o vencedor foi bem difícil. Watson é aquele personagem simpático, que é impossível não amar. Ele também tem o privilégio de acompanhar de perto o funcionamento da mente de Sherlock Holmes. A Holly Golightly do livro, ao contrário da personagem encarnada por Audrey Hepburn no filme de 1961, é a garota de programa de espírito livre, mas que tem um pouco de nossa simpatia por seu jeito franco. Já Tiffany tem muito a ver comigo (só9 nas qualidades, rs), e se tornou ainda mais charmosa na pele de Jennifer Lawrence.

Mas quem vence é...

HOLLY GOLIGHTLY!
 
Ganhar dá uma fome...
Apesar de seus defeitos, Holly tem bom coração e, acima de tudo, um espírito aventureiro, sabendo unir o útil ao agradável para sempre conseguir o que quer.


E vocês? Concordam com a vencedora da batalha?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Blogagem coletiva: 5 coisas que eu quis ser

Resenha: Morada das Lembranças, de Daniella Bauer

Quiz: qual personagem você é?